10Set.

Segurança alimentar

Há já alguns meses que falamos da diversidade alimentar e da sua importância. A importância de ter uma variedade na alimentação para que esta seja saudável e equilibrada. Poder ter a possibilidade de ter uma alimentação nutritiva para que o organismo funcione devidamente. Desta vez, na Bonduelle queremos falar da importância da segurança alimentar

A diversidade alimentar está ligada ao que chamamos a segurança alimentar. Isto significa que como indivíduo e como lar se pode aceder a todos os produtos necessários para ter uma boa alimentação.

A definição dada pela Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO) é a seguinte: A segurança alimentar existe quando todas as pessoas têm sempre acesso (seja físico, social e económico) a comida nutritiva, em quantidade suficiente e de boa qualidade para cobrir as suas necessidades nutricionais e as preferências culturais para uma vida saudável e activa.

O facto de existir segurança alimentar significa que exista a insegurança alimentar. Esta situação nasce devido a diferentes factores. O primeiro deles é a escassez de água. Em alguns países o défice de água leva a diminuir a produção agrícola. Por outro lado, existe a degradação dos solos provocada devido à agricultura intensiva que leva ao esgotamento da fertilidade dos solos. Também estão as alterações climáticas ou a poluição atmosférica, entre outros factores.

A consequência de tudo isto é haver menos produção e por isso escassearem alguns dos produtos fundamentais para ter uma alimentação variada e saudável.

Por tudo isto, a Bonduelle defende a agricultura respeitadora e duradoura. Atingindo assim um equilíbrio entre o respeito ao ambiente e a satisfação dos consumidores. A importância de todo o mundo ter acesso a uma diversidade na alimentação, criando assim uma segurança alimentar necessária para ser saudável.